Home » Arte Do Antigo Egito: Arquitetura Do Antigo Egito, Escultura Do Antigo Egito, Objetos Do Antigo Egito No Museu Brit Nico, Abu Simbel by Source Wikipedia
Arte Do Antigo Egito: Arquitetura Do Antigo Egito, Escultura Do Antigo Egito, Objetos Do Antigo Egito No Museu Brit Nico, Abu Simbel Source Wikipedia

Arte Do Antigo Egito: Arquitetura Do Antigo Egito, Escultura Do Antigo Egito, Objetos Do Antigo Egito No Museu Brit Nico, Abu Simbel

Source Wikipedia

Published June 26th 2011
ISBN : 9781231556863
Paperback
40 pages
Enter the sum

 About the Book 

Fonte: Wikipedia. P ginas: 38. Cap tulos: Arquitetura do Antigo Egito, Escultura do Antigo Egito, Objetos do Antigo Egito no Museu Brit nico, Abu Simbel, Pir mides de Giz, Monumentos N bios de Abu Simbel a Filas, Pir mide de Qu ops, Paleta de Narmer,MoreFonte: Wikipedia. P ginas: 38. Cap tulos: Arquitetura do Antigo Egito, Escultura do Antigo Egito, Objetos do Antigo Egito no Museu Brit nico, Abu Simbel, Pir mides de Giz, Monumentos N bios de Abu Simbel a Filas, Pir mide de Qu ops, Paleta de Narmer, Estela de Merenptah, Mastaba, Esfinge de Guiz, Obeliscos do Egito, Pir mide Vermelha, Lei da Frontalidade, Vale dos Reis, Pir mide de Qu fren, Templo de Karnak, Serapeu de Alexandria, Arquitetura do Egito Antigo, Busto de Nefertiti, Fayum, Coluna de Pompeu, Enc ustica, Vaso can pico, Pintura do Antigo Egito, Colossos de Memnon, Shauabti, Abu Mena, Templo de Luxor, Rahotep e Nofert, Papiro Harris I, Pir mide de Miquerinos, Pilone, Templo de Debod, Tebas Antiga e sua Necr pole, Pir mide Curvada, M nfis e a sua necr pole, Arte copta, Siwa, Templo do vale, Gato de Gayer-Anderson, Tutm s, O Escriba Sentado. Excerto: A arte eg pcia refere-se arte desenvolvida e aplicada pela civiliza o do antigo Egipto localizada no vale do rio Nilo no Norte da frica. Esta manifesta o art stica teve a sua supremacia na religi o durante um longo per odo de tempo, estendendo-se aproximadamente pelos ltimos 3000 anos antes de Cristo e demarcando diferentes pocas que auxiliam na clarifica o das diferentes variedades estil sticas adoptadas: Per odo Arcaico, Imp rio Antigo, Imp rio M dio, Imp rio Novo, poca Baixa, Per odo Ptolemaico e v rios per odos interm dios, mais ou menos curtos, que separam as grandes pocas, e que se denotam pela turbul ncia e obscuridade, tanto social e pol tica como art stica. Mas embora sejam reais estes diferentes momentos da hist ria, a verdade que incutem somente pequenas nuances na manifesta o art stica que, de um modo geral, segue sempre uma vincada continuidade e homogeneidade.O tempo e os acontecimentos hist ricos encarregaram-se de ir eliminando os vest gios desta arte ancestral, mas, mesmo assim, foi poss vel redescobrir algo do seu legado no s culo XIX, em que escava es sistem ticas trouxeram ...